Banco Central vai permitir devolução de valores no PIX

No ano de 2020, o Banco Central lançou o Pix que é uma plataforma que permite a transferência de valores a qualquer hora do dia. Agora o BC anunciou uma nova funcionalidade para o Pix.

Publicidade
Publicidade

Novidades no Pix

Banco Central PIx

O Pix é uma plataforma que foi lançada pelo Banco Central no dia 16 de novembro de 2020. Até então, as transferências só podiam ser feitas em horário comercial. Agora, essa realidade mudou.

Hoje é possível transferir dinheiro a qualquer hora do dia, em qualquer dia da semana sem pagar absolutamente nada por isso. Ou seja, esse novo mecanismo veio para facilitar e muito a nossa vida. E agora mais novidades estão sendo incorporadas.

Para o dia 16 de novembro de 2021 está previsto o lançamento do Mecanismo Especial de Devolução do Pix. A criação dessa nova ferramenta foi aprovada pelo Banco Central no dia 08 de junho. Quer saber mais sobre ela? Vem com a gente!

CARTÃO SANTANDER SX
CARTÃO DE CRÉDITO

CARTÃO SANTANDER SX

SEM ANUIDADE
 
RECOMPENSAS
Um cartão de crédito com um limite mínimo de R$ 250!
Você permanecerá no site atual

Como vai funcionar essa novidade?

A novidade que foi anunciada pelo Banco Central poderá ser iniciada pelo prestador de serviço de pagamento do usuário recebedor. Isso pode ser feito por iniciativa própria ou por solicitação do PSP do usuário pagador.

Publicidade

Esse recurso poderá ser acionado quando houver alguma suspeita de fraude ou em situações nas quais forem observadas falhas operacionais nos sistemas das instituições envolvidas na transação.

Publicidade

Até então esse recurso não existe. Inclusive, em caso de falha ou até mesmo fraude, as instituições envolvidas precisam estabelecer alguns procedimentos operacionais bilaterais, comunicando o ocorrido e solicitando o recebimento do pedido de devoluções.

Isso além de dificultar o processo, ainda aumenta o tempo para que o caso seja analisado e finalizado. Portanto, ao implementar esse novo recurso o processo passa a ganhar mais celeridade e eficiência, de acordo com o próprio Banco Central.


Veja também:


Quais os benefícios que esse novo recurso vai trazer?

Dentre os principais benefícios que o recurso trará, está a possibilidade do usuário reaver os valores em caso de existência de fraudes. Dessa forma, a instituição que fizer a devolução usando o mecanismo especial vai precisar notificar o usuário sobre o débito na conta.

Em resumo, isso trará muito mais segurança para todos os usuários do Pix assim como para as próprias instituições que aderiram ao sistema. Lembrando que a transação vai constar no extrato de movimentações.

Conforme antecipamos, a novidade deverá estar disponível a partir do dia 16 de novembro deste ano. Ou seja, exatamente um ano após o Pix ter sido lançado pelo Banco Central aqui no Brasil. Bacana, não é verdade?

Mas, afinal o que é mesmo Pix?

Para quem ainda não sabe, o Pix é uma nova ferramenta que permite que usuários façam transferências de dinheiro a qualquer hora do dia, em qualquer dia da semana. Para isso é preciso cadastrar uma chave em um banco credenciado.

Atualmente, praticamente todos os bancos tradicionais e digitais, assim como as instituições financeiras e cooperativas já são cadastrados no Pix. Você pode, portanto, cadastrar uma chave em cada uma dessas instituições.

A chave Pix é um código que pode ser o e-mail, CPF, CNPJ, número do telefone celular e até mesmo uma chave aleatória fornecida pelo Banco Central. Por isso, quem tem mais do que uma conta, poderá cadastrar uma chave para cada uma.

Lembrando que não é possível cadastrar a mesma chave para duas instituições diferentes. Por exemplo, se você cadastrar o CPF em uma conta como chave Pix na sua conta do Santander, não vai poder cadastrá-lo como chave Pix na sua conta do Itaú.

Nesse caso é preciso cadastrar o CPF em uma conta e o número de celular em outra conta, por exemplo. Para receber valores é só informar a chave Pix e pronto, o valor é transferido em poucos segundos. Uma verdadeira revolução.

Gostou deste artigo? Então não deixe de compartilhar com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais e nos ajude a disseminar o conhecimento.