domingo, julho 21, 2024

Entenda como o IPCA influencia na sua compra de alimentos

Share

IPCA

IPCA

O IPCA é o Índice de Preço ao Consumidor Amplo, sendo ele o indicador oficial que mede a inflação no país. A última projeção do relatório Focus prevê que o IPCA feche o ano de 2021 acima de 8%, o que é bastante preocupante.

No mês de agosto, para se ter uma ideia, o índice ficou em 0,87%, sendo essa a maior variação para um mês de agosto desde o ano 2000. O resultado foi divulgado no início deste mês de setembro e já acumula 9,68% nos últimos 12 meses.

Entre os 9 grupos de produtos pesquisados pelo IBGE para o IPCA, 8 acumularam alta no mês. O maior impacto em agosto foi referente aos gastos com transporte que tiveram uma variação de 1,46% no mês.

CARTÃO ATACADÃO
CARTÃO DE CRÉDITO

CARTÃO ATACADÃO

RECOMPENSAS
 
FÁCIL ACEITAÇÃO
Cartão de crédito para parcelar as compras de supermercado
Você permanecerá no site atual

Entendendo como o IPCA influencia nossa vida

O IPCA, por medir a inflação como um todo, é capaz de mostrar como está o poder de compra dos brasileiros mês a mês. E conforme dissemos, a maior alta do mês de agosto foi puxada pelo preço dos combustíveis.

A gasolina subiu 2,80% no mês, tendo o maior impacto individual na inflação. O Etanol subiu 4,50%, o gás veicular cresceu 2,06% e o óleo diesel 1,79%. Segundo André Filipe Guedes Almeida, analista da pesquisa, o preço da gasolina é influenciado pelos reajustes aplicados nas refinarias de acordo com a política de preços da Petrobrás.

De acordo com o analista, o dólar, os preços no mercado internacional e o encarecimento dos biocombustíveis são fatores que influenciam os custos e que acabam sendo repassados ao consumidor final.

Para se ter uma ideia, entre janeiro e agosto, a gasolina já acumula uma alta de 31,09%, o etanol de 40,75% e o diesel de 28,02%. Tudo isso impacta diretamente no bolso dos brasileiros. E além dos combustíveis, os alimentos também influenciam o IPCA.


Veja também:


A alta no preço dos alimentos

Depois dos combustíveis, a segunda maior contribuição para o aumento na inflação no Brasil foi o grupo de Alimentos e Bebidas que teve um crescimento de 1,39% no preço. Dá para ver que houve uma aceleração na comparação com julho que teve um crescimento de 0,60%.

De acordo com o IPCA, os alimentos que impulsionaram essa alta foram a batata-inglesa (19,91%), o café moído (7,51%), o frango em pedaços (4,47%), as frutas (3,90%) e as carnes (0,63%). 

Embora tenha ocorrido um aumento no preço dos produtos como um todo, do lado das quedas houve um destaque para a cebola (-3,71%) e para o arroz (-2,09%). Portanto, dá para ver que o brasileiro está perdendo o seu poder de compra.

Como o IPCA é calculado?

O IPCA é um índice que é produzido e divulgado pelo IBGE todos os meses, sendo que para isso, o instituto faz um levantamento com cerca de 430 mil preços em 13 áreas urbanas do Brasil.

Esses preços são coletados por técnicos especializados em 30 estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços e concessionárias de serviços públicos. Desde o ano passado, o IBGE também passou a contar com robôs virtuais para a coleta de preços em páginas na internet.

Vale destacar que o período de pesquisa de preços vai do dia 1 ao dia 30 do mês de referências, podendo haver algumas variações como o índice de julho que foi coletado entre os dias 29 de junho e 28 de julho de 2021.

Dentre os itens que compõem o índice estão: alimentação e bebidas; habitação; artigos de residência; vestuário; transportes; saúde e cuidados pessoais; despesas pessoais; educação e comunicação.

O levantamento é feito nas principais regiões metropolitanas do país, sendo que para cada um dos itens acima é dado um determinado peso.

Gostou deste artigo? Então não deixe de compartilhar com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais.

José Carlos Sanchez Júnior
José Carlos Sanchez Júnior
José Carlos é escritor e redator com formação acadêmica em Administração de Empresas e MBA em Gestão Financeira Controladoria e Auditoria formado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Read more

Local News