Whatsapp Pay autorizado: como evitar problemas

A nova funcionalidade do App de comunicação mais utilizado no mundo, foi aprovada pelo Banco Central no Brasil. Agora o Whatsapp Pay está liberado. Continue lendo e saiba mais informações.

Publicidade
Publicidade

Whatsapp Pay, será que funciona?

Whatsapp Pay liberado

Com tantas falsas ligações pedindo resgate por algo que não aconteceu, é normal um pouco de desconfiança com um App conhecido por ser de troca de mensagens. Inclusive com histórico de clonagem de contas e números. Será uma boa ideia utilizar o Whatsapp Pay? Ao entender melhor esta funcionalidade saberemos quais são as características e como se proteger e evitar problemas.

O Whatsapp recebeu autorização do Bacen para fazer transações bancárias, para o novo recurso Pay que em breve estará disponível para os usuários. Por isso, ainda não é possível testar o serviço, mas em breve a nova possibilidade estará disponível para utilização dos usuários. 

A seguir você vai entender melhor esta nova funcionalidade, qual autorização que recebeu do Bacen, quais as bandeiras e bancos poderão operar. Continue lendo e descubra informações sobre como funciona, de que forma evitar problemas com fraudes ou falsas solicitações. Por fim, você verá a sugestão de entender melhor como movimentar seu dinheiro com segurança. 


Veja também:


Autorização do Bacen, bancos e bandeiras que estão liberados

No dia 24 de janeiro o Banco Central do Brasil deu autorização para o Whatsapp Pay como “iniciador de pagamentos”. Por isso ele não vai em momento nenhum momento ser responsável pela transferência, o Whatsapp Pay irá apenas iniciar o processo de pagamento os responsáveis serão as instituições bancárias e também as administradoras de cartão como Visa e Mastercard.

Publicidade

O Whatsapp faz questão de frisar que “não transfere, armazena ou recebe nenhum fundo”, e aconselha que caso tenha uma dificuldade ou problema poderá entrar em contato com o banco que terá o registro no extrato bancário ou de cartão de crédito como “FBPAY WA”, com indicação do destinatário. Interessante comentar que neste primeiro momento, quem enviar dinheiro a pessoas físicas poderá utilizar apenas o cartão de débito, já quem pagar pessoas jurídicas (lojas e comerciantes) poderá utilizar também o cartão de crédito.

Publicidade

Os bancos disponíveis no começo são a bandeira Visa com o Banco do Brasil, Sicredi e Woop, além da bandeira Mastercard com o Nubank e Sicredi. Para utilizar o Whatsapp Pay você poderá fazer um cadastro específico com registro de senha para confirmar as transações. O registro de cartão de crédito e débito é semelhante ao realizado em outros aplicativos e marketplaces. 

É interessante ressaltar que o Wechat, um aplicativo semelhante, muito forte no oriente, já está funcionando com uma operação semelhante. Então, embora haja uma resistência inicial, a ideia não é tão nova e já foi testada em outros países, desta forma é bem possível que com os devidos ajustes e medidas de segurança seja uma ótima forma de pagar e receber, já que o App é bem popular.

Como se prevenir e evitar problemas

Semelhante ao Pix, os cuidados deverão ser principalmente feitos com as informações pessoais. Para manter a segurança, não envie nenhum PIN que receber por SMS no chat para outra pessoa ou qualquer outra informação pessoal que possa favorecer uma fraude. Para evitar clonagem na conta Whatsapp é importante ativar a autenticação em dois fatores e não fornecer senhas para outra pessoa. Nunca. Por motivo nenhum.

Outra questão importante é buscar se proteger de forma a evitar clicar em links suspeitos enviados via mensagem. Se for abordado via Whatsapp, pedindo o código de confirmação para uma atualização, confirmação de cadastro e atualizar, jamais envie este código e denuncie e bloqueie o contato, porque com certeza é uma tentativa de fraude. Quer saber como movimentar dinheiro com segurança em um App que já está funcionando no país? Confira o conteúdo a seguir.