Itaú está oferecendo empréstimo com imóvel em garantia. Confira!

Precisa de crédito pessoal mas está com o nome negativado? Não se preocupe, o empréstimo Itaú com garantia de imóvel pode ser a solução.



Anúncios



Publicidade

Empréstimo Itaú com imóvel em garantia

empréstimo com imóvel em garantia

Está precisando de dinheiro para sair do aperto, mas seu nome está negativado? Saiba que o empréstimo com imóvel em garantia do Itaú pode ser uma boa opção.

No entanto, essa alternativa só está disponível para os clientes do banco. O grande diferencial dessa linha é que não há consulta nem ao SPC e nem à Serasa.

Portanto, se você é cliente Itaú e tem um imóvel quitado, pode tomar esse empréstimo e sair do aperto neste começo de ano.

Quer saber como funciona o empréstimo com imóvel em garantia do Itaú? Então dá só uma conferida neste artigo!



Publicidade

Como funciona essa linha de empréstimo?

O empréstimo em garantia é feito para os correntistas do Itaú que possuam uma casa, um sítio, uma sala comercial, ou qualquer outro imóvel em garantia.



Anúncios

No entanto, esse imóvel precisa ser quitado. Isso minimiza o risco da instituição na hora de conceder o crédito. E por isso ela é disponível também para negativados.

O valor liberado é de 60% do valor do seu imóvel. E o grande diferencial é que nessa modalidade os prazos são maiores e os juros menores.

Sabe o que isso quer dizer? Que você terá mais fôlego para pagar e mais dinheiro no bolso para sair do sufoco e organizar sua vida financeira.

É importante lembrar também que mesmo a propriedade estando em garantia, ela continua sua. Isso inclusive é estipulado em contrato.

Mas, cuidado. Se você não pagar o empréstimo, o banco pode acionar a penhora da garantia, então o ideal é você se organizar.


Veja outros empréstimos:


Quais são as condições do empréstimo com imóvel em garantia do Itaú?

Para poder tomar esse empréstimo é preciso ser correntista do banco, maior de 18 anos e ter um imóvel residencial com valor mínimo de avaliação de R$ 65 mil, totalmente quitado em seu nome.

Se você atender essa exigência, conseguirá um empréstimo de 60% do valor do imóvel, com prazo de dez anos para pagar e taxas diferenciadas. A amortização do empréstimo é feita pelo sistema SAC (Sistema de Amortização Constante).

Neste sistema o valor da amortização é constante, mas os juros são decrescentes. Isso quer dizer que a parcela vai ficando menor com o tempo.

Como fazer para tomar esse empréstimo?

Ao entrar no seu App ou no Internet Banking, você encontrará essa opção. Ao selecioná-la, você precisa fazer uma simulação do crédito e enviar a proposta.

Depois disso será preciso preencher um formulário com todos os seus dados e com os dados do imóvel. Com tudo preenchido, a sua proposta vai para análise.

Em menos de duas horas você já terá uma resposta de aprovação, e então um consultor especializado irá entrar em contato com você solicitando os documentos para iniciar a análise técnica.

Após a análise, o contrato é emitido e assinado pelo Itaú. Na sequência ele é enviado para você assinar. Então, o dinheiro é liberado.

Vale a pena esse tipo de crédito?

Esse tipo de empréstimo é interessante para quem está precisando de mais dinheiro e dispõe de uma renda maior para pagar as parcelas.

Já se você precisa de menos dinheiro, uma boa alternativa é o crédito consignado. Mas, ele está disponível somente para funcionários públicos, aposentados e pensionistas do INSS.

Se você atende essas exigências, há várias opções no mercado, como o Banco Pan, BMG, Paraná Banco, dentre outros.

Agora, se você é funcionário da iniciativa privada, uma boa opção é o empréstimo pessoal. Ela está disponível também no Banco Pan.

Seja qual for a sua opção, faça um bom planejamento antes de tomar o empréstimo. Se gostou dessa matéria, compartilhe com seus amigos nas redes sociais.