Bancos digitais: Google Pode Ser a Sua Mais Nova Opção!

Publicidade
Publicidade

O Google é mais uma das empresas gigantes que está entrando no universo dos bancos digitais. Em 2020 o maior portal de buscas do planeta vai lançar a sua conta digital.

O anúncio pegou muitos de surpresa. O projeto cujo nome é Cache, será lançado no próximo ano em uma surpreendente parceria entre Google, Citigroup Inc e uma cooperativa de crédito da Universidade de Stanford.

De acordo com o The Wall Street Journal a administração das contas ficará por conta do Citigroup e da cooperativa de crédito. A entrada no Google no setor dos bancos digitais pode balançar diversas fintechs e bancos tradicionais.

Leia também – Conta Digital PagBank do PagSeguro é a Melhor Opção Para Negativados

Publicidade

Bancos digitais e tradicionais sob ameaça

O Projeto do Google é bastante ambicioso. Ele pode inclusive desafiar as fintechs atuantes no ramo de serviços financeiros. Isso porque a influência das empresas de tecnologia são bastante intensas.

Publicidade

No entanto, assim como o Uber Money, o Google desenvolverá parcerias com bancos e fintechs locais na medida em que o serviço for se expandindo. Segundo Caesar Sengupta, executivo do Google “Nossa abordagem será fazer uma parceria profunda com os bancos e o sistema financeiro. Pode ser um caminho um pouco mais longo, mas é mais sustentável”.

O executivo também ressaltou que ainda não sabe se haverá algum tipo de cobrança de mensalidade para manter as contas. Todavia, a expectativa é que os correntistas possam usar suas contas através da carteira digital do Google e Google Play.

Em 2020 a empresa pretende começar no mercado norte americano

Ainda de acordo com a gigante da tecnologia os serviços oferecidos começarão a ser testados nos Estados Unidos já em 2020. A expectativa é que para 2021 os serviços sejam expandidos a nível global.

Apesar de ser um lançamento bastante ousado, o Google precisará convencer as pessoas da sua credibilidade no ramo de bancos digitais. Mas essa talvez não será uma tarefa difícil para quem detém informações preciosas de milhões de pessoas espalhadas pelo mundo.

Enquanto o projeto ainda não sai do papel, os reguladores federais norte americanos examinam se as informações que o Google possui, podem gerar alguma vantagem injusta para a empresa em relação aos seus concorrentes.

O Google não é a primeira gigante da tecnologia a entrar no ramo dos serviços financeiros. No início desse ano o Facebook, outra gigante, anunciou que em 2020 irá lançar a sua própria criptomoeda: a Libra.

Por serem empresas líderes do mercado da tecnologia, tais informações mexem com todo o sistema financeiro. Afinal, há sempre uma insegurança sobre como será a adesão das pessoas ao novo serviço oferecido.

Você está preparado para ter a sua conta digital no Google? Os bancos digitais estão vindo com tudo, e você não pode ficar de fora dessa. Deixe o seu comentário, suas sugestões e nos siga nas redes sociais.