Saque e depósito via Pix no Mercado Pago. Saiba como vai funcionar

Mercado Pago vai lançar a função Pix para saque e depósito. Fase teste começará a rodar na cidade de São Paulo.

Mercado Pago

A partir de agora, os clientes do Mercado Pago poderão fazer saques e depósitos utilizando a função Pix. Inicialmente, a função só estará disponível na cidade de São Paulo, mas em breve, outras regiões do país também poderão utilizar a mesma função.

Com a novidade oferecida pelo Mercado Pago, os clientes poderão acelerar bastante os processos de transação ainda no mês de abril de 2022. A carteira digital do Mercado Livre vai lançar algumas unidades físicas para que mais usuários fiquem ainda mais engajados e próximos da rede.

Quer entender melhor como vai funcionar o novo sistema com saque e depósito por meio do Pix no Mercado Pago? Confira a seguir!

CARTÃO DE CRÉDITO MERCADO PAGO
CARTÃO DE CRÉDITO

CARTÃO DE CRÉDITO MERCADO PAGO

FÁCIL ACEITAÇÃO
 
SEM ANUIDADE
Peça seu cartão sem anuidade e compre com condições especiais
Você permanecerá no site atual

Fase de teste

Por enquanto, a nova função do Mercado Pago ainda está em uma fase beta para os clientes. Isso é, está passando por testes até que seja liberada em outras regiões do Brasil para outros clientes.

Inicialmente, ela começará a funcionar na cidade de São Paulo, capital escolhida para rodar o programa piloto. A ideia do Mercado Pago é que até o segundo trimestre de 2022, pelo menos 2,8 mil lojas em todo o Brasil já estejam com a função rodando perfeitamente para facilitar a vida dos clientes.

Segundo Túlio Oliveira, atual vice-presidente do Mercado Pago, o intuito ao implementar a nova função é suprir uma demanda de transações em espécie, e ao mesmo tempo, permitir que as redes parceiras possam fazer um faturamento extra.

O Mercado Pago deseja ainda que essa nova funcionalidade atinja também as casas lotéricas, e com isso, de 2,8 mil lojas, a ideia é que pelo menos 14,5 mil unidades no total sejam contempladas com a nova função do Mercado Pago. Atualmente, milhares de estabelecimentos no Brasil já utilizam as maquininhas de cartão de crédito da empresa.

A operação será gratuita?

É importante salientar que a operação de saque e depósito via Pix será tarifada pelo Mercado Pago. No entanto, a empresa ainda não divulgou quais serão os valores cobrados. No entanto, a ideia é que as lojas credenciadas tenham autonomia para definir a própria taxa.

Se por um lado isso é bom para os lojistas, por outro, quem pode pagar um preço mais caro pela decisão são os próprios clientes. Caso não haja um tabelamento das taxas de Pix, o cliente ficará sujeito à taxação imposta por lojistas. Ou seja, será obrigado a pagar o que o lojista determinar.

Por enquanto ainda não há nenhuma informação sobre uma tabela de preços, mas caso não haja, é provável que isso passe por uma regulamentação por parte do governo nos próximos meses.

No dia 24 de março de 2022, Oliveira explicou ainda que o objetivo do Mercado Pago é crescer com rentabilidade. Somente em 2022, o Mercado Livre vai investir mais de R$ 17 bilhões no Mercado Pago, que também pertence à rede. Na verdade, essa é uma das divisões que mais cresce no conglomerado. 

A maior parte dos recursos destinados ao Mercado Pago irá para o marketing da empresa. Além disso, parte do dinheiro também vai ser utilizado para o lançamento de novos produtos e serviços financeiros, como linhas de crédito, investimentos e seguros de todos os tipos.

Em abril de 2022, o Mercado Pago vai lançar o primeiro CDB, que será vendido diretamente para o varejo a condições especiais. No entanto, ainda não há muitos detalhes sobre a novidade. Mas o primeiro lançamento será mais simples dos que ainda estão por vir.

Gostou de saber sobre as novidades que o Mercado Pago pretende lançar com o Pix? Então, ajude-nos a compartilhar esse tipo de informação nas redes sociais para que mais pessoas se beneficiem com as mudanças!