CredPago: uma nova modalidade de seguro fiança. Conheça!

Precisa alugar um imóvel mas não consegue fiador? Não se preocupe, conheça a CredPago, nova modalidade de seguro fiança 100% online.

Publicidade
Publicidade

CredPago: nova modalidade de seguro fiança

CredPago

Quem já precisou alugar um imóvel, sabe como isso é burocrático. Aliás, era, porque agora com a CredPago tudo ficou muito mais fácil.

Sabe por quê? Porque agora você pode contratar um seguro fiança de forma simples, prática e 100% digital. 

A empresa, que está no mercado desde 2016, está revolucionando o setor e já conta com diversas imobiliárias parceiras espalhadas pelo Brasil.

Quer saber mais sobre essa nova modalidade de seguro fiança? Então vem com a gente neste artigo.

Publicidade

Como funciona essa nova modalidade de seguro fiança?

A CredPago surgiu no mercado para resolver um problema antigo: a necessidade de ter um fiador para alugar um imóvel.

Publicidade

Esse é um problema que impedia muita gente de alugar um imóvel. Pessoas com boa renda e bom histórico de pagador simplesmente não conseguiam alugar uma casa por não ter um fiador.

Lembrando que uma das exigências para ser fiador é ter um imóvel quitado, e isso nem sempre é possível.

No entanto, com a chegada da CredPago, agora não é mais preciso se descabelar para encontrar um fiador. E o processo de locação acontece 100% online.

Só para ter uma ideia, o inquilino não precisa mais levar aquele monte de documentos até a imobiliária. Só é preciso informar nome, CPF, telefone e e-mail.

Ao fornecer esses dados, a CredPago faz uma análise de crédito em menos de um minuto. Caso o cadastro seja negado, a imobiliária pode pedir uma análise mais detalhada.

Nesse caso, alguns documentos extras podem ser solicitados, como a fatura do cartão de crédito, por exemplo. E assim que o cadastro for aprovado, os termos de aceite serão enviados para o e-mail do inquilino.


Veja também:


Quais são as taxas cobradas pela CredPago?

Existem basicamente duas taxas que precisam ser pagas pelo inquilino: a Taxa Setup e a Taxa de Serviço. E isso só é feito depois do cadastro ser aprovado.

A Taxa Setup refere-se ao uso do sistema e possui o valor máximo de R$ 120, que é pago uma única vez durante a contratação. Essa taxa pode ser dividida em até três vezes no cartão de crédito.

Já a Taxa de Serviço pode ser de dois tipos: Smart e Fit. No caso da Taxa Smart é cobrado um valor de 10% sobre o aluguel anual, e cobre até 16 meses de aluguéis atrasados.

A Taxa Fit, por outro lado, cobre apenas 12 meses de aluguéis atrasados, e nesse caso é pago um valor de 8% sobre o aluguel anual.

Para exemplificar, vamos imaginar um aluguel mensal de R$ 1 mil. No ano, o inquilino vai pagar R$12 mil de aluguel.

No caso da Taxa Smart, o valor pago será de R$ 1.200, nesse exemplo. Já se a imobiliária optar pela Taxa Fit, o valor cobrado nesse mesmo exemplo será de R$ 960.

Quais são as opções de pagamento?

O pagamento das taxas pode ser feito por TED, Pix, boleto bancário ou cartão de crédito. Lembrando que o pagamento por TED, Pix e boleto é à vista.

Já se o cliente optar em pagar por cartão de crédito, pode dividir a Taxa Smart em até 3 vezes, e a Taxa de Serviços em até 12 vezes.

Um outro ponto que vale destacar é que a própria imobiliária envia os documentos dos inquilinos para a CredPago, e por isso o cliente não tem trabalho nenhum.

Inclusive, em caso de reprovação instantânea do cadastro, a imobiliária pode pedir uma nova análise do inquilino para tentar a aprovação.

Resumidamente, essa é uma forma mais fácil de locar imóveis, e por isso está caindo no gosto popular. Afinal, dá para pagar de várias formas, inclusive com o Cartão Méliuz.

Esse é o futuro cada vez mais próximo de nós. Gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos nas redes sociais.