O rotativo do Nubank não vai mais existir? Leia este post e descubra!



Anúncios



Publicidade

O rotativo do Nubank está com os seus dias contados.

A novidade foi anunciada recentemente, e vai de encontro ao propósito que o Nubank carrega.

Afinal, a missão do banco é devolver a autonomia financeira para os seus clientes.

E ao acabar com o rotativo do cartão, a fintech espera diminuir o endividamento deles.



Publicidade

rotativo do Nubank
O rotativo do Nubank não vai mais existir? Leia este post e descubra! – Imagem: Reprodução / Internet.

E quando o rotativo do Nubank vai chegar ao fim?

O fim do rotativo do Nubank está previsto já para o próximo ano.



Anúncios

Até porque, há 11 meses, uma equipe de 20 pessoas está empenhada em garantir cada vez mais melhorias no cartão do Nubank.

Conhecida como “Reinventando o Cartão de Crédito”, essa equipe está fazendo diversos testes com seus clientes.

Por meio desses testes, o banco constatou que grande parte deles acaba entrando voluntariamente no rotativo do cartão.

Não é um empréstimo programado. Falta dinheiro para o cliente, ele automaticamente paga o mínimo da fatura.


Veja também:

Quer saber como aumentar o limite do Nubank? Leia este post e descubra!

Recarga celular Nubank. Conheça as vantagens desse serviço!

Resgate Planejado Nubank: conheça essa nova opção de investimento!


São muitos os clientes que costumam pagar o mínimo da fatura?

De acordo com o próprio Nubank, cerca de 3% dos clientes usam regularmente o rotativo do cartão.

Ou seja, são aproximadamente 900 mil pessoas que acabam pagando juros altos por não conseguir pagar o valor total da fatura.

E para ajudar essas pessoas, o Nubank quer acabar com o rotativo e oferecer empréstimos com juros mais baixos.

Afinal, se a missão do banco é devolver a autonomia financeira dos seus clientes, como fazer isso cobrando juros exorbitantes?

E os clientes terão outras opções fora o rotativo do Nubank?

O cliente poderá encontrar no próprio Nubank outras opções para sair do sufoco.

Como a fintech ainda está começando a oferecer empréstimos pessoais, o fim do rotativo ficou para o ano que vem.

A ideia é acabar com o rotativo justamente quando houver outras linhas mais baratas e disponíveis para os clientes.

No entanto, eles podem optar em parcelar a fatura do cartão de crédito.

Nesse caso, a cobrança de juros é menor e o cliente consegue se programar melhor para realizar o pagamento.

E o parcelamento é melhor para o score de crédito?

Quem entra no rotativo do cartão de crédito, enfrenta também um outro dilema: a queda na pontuação de crédito.

E isso ocorre mesmo quando ele faz o parcelamento da fatura do cartão.

Sendo assim, a melhor maneira de sair da dívida e também fazer o score crescer antes de cair é tomando um empréstimo pessoal.

Nesse caso, o cliente consegue estender mais o prazo de pagamento das dívidas e melhorar o score.

Isso acontece porque os birôs de crédito vão entender que ele é capaz de administrar mais do que uma dívida ao mesmo tempo.

O grande problema é que nem sempre temos disponível um empréstimo pré-aprovado. E por isso nossa tendência é ir sempre pelo caminho mais fácil.

Ou seja, recorrer ao rotativo do cartão ou também ao cheque especial.

E como encontrar um empréstimo pessoal mais rapidamente?

Hoje, há uma grande oferta de empréstimos pessoais no mercado.

Algumas com juros bem atrativos, outras nem tanto. E por isso é preciso realizar uma boa pesquisa antes.

A plataforma Bom Pra Crédito é uma excelente opção para quem busca um empréstimo pessoal.

Afinal, ela conta com mais de 30 financeiras parceiras. E ao fazer o cadastro lá, você começa a receber as propostas de empréstimos.

Por isso é tão importante ter um cadastro na Bom Pra Crédito. Pois, quando a situação apertar fica mais fácil correr para o lado certo.

Gostou deste artigo? Então compartilhe ele com seus amigos nas redes sociais.