Por que é importante poupar e investir? Descubra!

Poupar dinheiro não é um hábito comum entre os brasileiros. Mas com a chegada da pandemia, isso se tornou uma verdadeira necessidade, exigindo disciplina e foco das pessoas.

Publicidade
Publicidade

Poupança e investimento

Por que poupar

A chegada da pandemia há praticamente um ano atrás, mostrou uma dura realidade para os brasileiros: a importância de poupar e investir. Até porque, muita gente se viu sem renda de uma hora para outra e com a pergunta na cabeça: o que fazer?

Diante deste quadro negro, ficou evidente a importância de poupar e fazer uma reserva de emergência. Afinal, quando temos uma reserva financeira, estamos mais preparados para imprevistos, e passamos menos necessidades.

No entanto, grande parte das pessoas acha ser difícil, ou até impossível poupar. Mas será mesmo que não é possível guardar 10% dos ganhos em uma aplicação? É sobre isso que vamos falar um pouco mais neste artigo. Vem com a gente.

Como guardar dinheiro?

Guardar dinheiro pode parecer algo difícil. No entanto, isso é hábito. E como todo hábito exige uma certa dose de disciplina da nossa parte. Portanto, o primeiro passo para guardar é marcar tudo o que você está gastando.

Publicidade

Parece bastante óbvio, e confesso que é. Mas a verdade é que grande parte da população brasileira não tem esse hábito. Até algum tempo atrás era realmente mais difícil. Pois ao sair de casa e gastar um pouco aqui, outro pouco ali, nem sempre a gente lembrava de marcar tudo o que tinha gastado no caminho.

Publicidade

No entanto, com a chegada da tecnologia, existem diversos Apps que ajudam nessa empreitada. Por isso, encontrar um aplicativo gratuito que te forneça a possibilidade de marcar tudo aquilo que entra e sai é o primeiro caminho.

Depois, que você pegar o hábito de marcar todas as suas entradas e saídas vai poder analisar onde está gastando o dinheiro. E pode ter certeza que isso vai te surpreender. Ou seja, você vai perceber como gasta com produtos e serviços desnecessários.


Veja também:


Comece a guardar ao menos 10% dos seus ganhos

Assim que você perceber que está gastando com diversos produtos e serviços desnecessários, chegou o momento de começar a disciplina. E isso quer dizer que você precisa cortar esses gastos.

Não há outro caminho. Sentiu vontade de comer um lanche ou pizza fora de hora? Contenha-se. Isso vai evitar que você gaste toda sua renda. Ademais, uma boa estratégia é guardar 10% dos seus ganhos logo no começo do mês.

Logo que você receber o salário, já pegue 10% dele e coloque em uma aplicação separada. Assim, você vai ter que administrar só o resto do dinheiro e quando ele acabar e você tiver que avançar na sua economia, isso vai ligar um sinal de alerta.

Faça uma reserva de emergência equivalente a 6 meses dos seus gastos

Já vimos que o primeiro passo para você começar a ter mais tranquilidade é marcar todos os seus gastos, e depois poupar. Mas lembre-se que: o valor referente a 6 meses dos seus gastos deve estar em uma aplicação de resgate automática.

Ou seja, se surgir um imprevisto de verdade, você pode usá-la a qualquer momento. Essa deve ser a sua primeira economia. Se você guardar 10% dos seus ganhos, em 2 ou 3 anos vai conseguir montar a sua reserva de emergência.

A partir de então pode começar a investir a médio e longo prazo. E isso vai exigir um pouco mais de estudo e conhecimento do mercado financeiro. Veja que não é um bicho de sete cabeças guardar dinheiro.

Basta que você tenha foco e disciplina. Até porque grande parte dos seus gastos são em itens sem necessidade, por impulso. Por isso digo: contenha o impulso, mantenha a disciplina, marque tudo que sai e coloque 10% do seu salário em um investimento separado.

Gostou deste artigo? Então não deixe de compartilhar com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais e nos ajude a disseminar o conhecimento.