Banco Inter libera pagamento por WhatsApp. Confira!

Inovando a cada dia, o Banco Inter acaba de liberar mais uma funcionalidade para os seus clientes enviarem e receberem dinheiro. Trata-se das transferências por WhatsApp.



Anúncios



Publicidade

Banco Inter

Banco Inter

O Banco Inter já é conhecido pelas suas constantes inovações. Agora a instituição deu um passo ainda mais além e está oferecendo uma nova funcionalidade para os seus correntistas: a possibilidade de pagamentos por WhatsApp.

A nova função começou a ser disponibilizada gradativamente a partir do dia 04 de maio, e em pouco tempo já poderá ser usada por todos os usuários. Essa será uma das maneiras mais rápidas e práticas para fazer transferências para amigos e parentes.

Há quase um ano atrás, o WhatsApp já havia lançado o seu serviço permitindo que seus usuários pudessem fazer transferências pelo App. No entanto, na época o serviço foi bloqueado pelo Banco Central. Agora ele está de volta.

CARTÃO INTER
CARTÃO DE CRÉDITO

CARTÃO INTER

SEM ANUIDADE
 
CASHBACK
Função débito e crédito sem taxas e crédito internacional
Você permanecerá no site atual

Como será esse novo serviço do WhatsApp?

O WhatsApp relançou os seus serviços de transferência no Brasil após ter sido bloqueado pelo Banco Central há um ano atrás. Agora os bancos podem fazer a adesão do serviço e oferecer essa nova funcionalidade para os clientes.



Publicidade

Os pagamentos serão processados pelo Facebook Pagamentos e pela Cielo que são habilitados pelo Facebook Pay. Essa promete ser uma das formas mais fáceis de fazer e receber valores de amigos, parentes e até mesmo estabelecimentos comerciais.



Anúncios

O serviço de pagamento do WhatsApp está disponível apenas na Índia e no Brasil. Só para ter uma ideia, a Índia é o maior mercado do WhatsApp com aproximadamente 400 milhões de usuários. Lá a aprovação para transferências aconteceu em novembro do ano passado.

Um dos pontos interessantes do serviço é que uma conta habilita o serviço de outra ao enviar ou solicitar uma transferência de qualquer valor. Matt Idema, diretor de operações do WhatsApp, diz estar animado com a disponibilização desse serviço.


Veja também:


Como serão feitas as transferências?

O Banco Inter está disponibilizando gradativamente as transferências para os seus clientes. Em um primeiro momento, elas poderão ser feitas entre as pessoas físicas com todos os cartões com função débito disponibilizados pela instituição.

O valor máximo das transferências será de até R$ 1 mil por transação, podendo receber até 20 transferências por dia. No entanto, o limite mensal é de apenas R$ 5 mil por mês, e por enquanto só podem ser feitas transações dentro do Brasil em moeda local.

Um ponto interessante é que o serviço será inteiramente gratuito. Então essa é mais uma maneira fácil de fazer e receber pagamentos. Em bem pouco tempo, outras instituições financeiras também deverão aderir ao serviço.

“Facilitar o envio e o recebimento de dinheiro de maneira segura não poderia ser mais importante neste momento, já que não só diminui a exposição das pessoas à pandemia, mas também as ajuda a se manterem conectadas com entes queridos, expande o acesso a serviços financeiros e possibilita que mais pessoas participem da economia digital”, finaliza Matt Idema.

Um pouco mais sobre o  Banco Inter

O Banco Inter é um dos maiores bancos digitais do país. No mercado desde 1994, a instituição passou a operar no varejo bancário em 2015. Na época ele era conhecido como Banco Intermedium.

A mudança de nome aconteceu no ano de 2017. Naquele mesmo ano, o número de correntistas era de aproximadamente 370 mil. Hoje a instituição já conta com 9 milhões de clientes, oferecendo um super app completo.

Várias foram as inovações durante todo esse tempo, principalmente o marketplace que está cada vez mais completo. E agora os correntistas do Inter têm mais um motivo para comemorar, afinal, poderão transferir dinheiro de forma ainda mais prática.

Gostou dessa matéria? Então não deixe de compartilhar com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais e nos ajude a disseminar o conhecimento.