Cartão de crédito com nome negativado: Saiba como fazer

Publicidade
Publicidade

O cartão de crédito tornou-se indispensável em nossa vida. Mas, como fazer para ter um mesmo estando com restrição no nome?

Essa é uma dúvida que vem tornando-se cada vez mais comum entre as pessoas. Afinal, com a crise do coronavírus, muita gente não está conseguindo pagar suas contas em dia, e como consequência estão tornando-se inadimplentes.

Isso faz com que a restrição no nome seja inevitável o que restringe o acesso ao crédito, principalmente em cartões. No entanto, existem opções que estão disponíveis mesmo para quem está com o nome sujo. Dá uma conferida!

Cartão de crédito pré-pago

O Cartão de crédito pré-pago é uma modalidade que vem crescendo bastante no país. Embora seja necessário recarregá-lo para usar, ele é bastante útil, principalmente para a realização de compras online.

Publicidade

Afinal, diferente do cartão de débito, ele é usado na modalidade crédito, sendo aceito nas mais variadas lojas virtuais. O ponto negativo é que o cliente não pode fazer parcelamento e precisa ter o dinheiro para realizar uma compra.

Publicidade

Por outro lado, esse é um tipo de cartão que permite um maior controle financeiro de seus usuários, pois não é possível gastar mais do que se tem. Os cartões mais conhecidos são do PagSeguro, PicPay e RecargaPay, além é claro do Mercado Pago.


Veja também:


Cartão de crédito consignado

Para quem é aposentado, pensionista do INSS, ou servidor público federal, estadual ou municipal uma outra opção é o cartão consignado.

Existem bancos que oferecem essa modalidade de cartão inclusive para empresas privadas que são parceiras do banco. Ele é um cartão de crédito onde o valor mínimo da fatura é descontado diretamente da folha de pagamento ou do benefício.

Como o pagamento mínimo é garantido, visto que é descontado diretamente na fonte, a taxa de juros deste cartão é bem mais atrativa. Normalmente ela não passa dos 4% enquanto que um cartão normal tem taxa superior à 10% ao mês.

Dentre os bancos que oferecem cartão consignado podemos destacar o Banco Inter, Bradesco, Banco Pan, Caixa e BMG Card. Lembrando que normalmente o banco não realiza consulta ao SPC e Serasa para liberar esse cartão para seus clientes.

Controle financeiro é essencial

Embora o cartão de crédito seja um importante aliado nosso, é preciso procurar manter sempre um bom controle financeiro para ele não se tornar um vilão.

Isso porque os juros são bastante agressivos. Para se ter uma ideia, uma dívida dobra de tamanho a cada 6 meses. Ou seja, se você ficou devendo R$ 1 mil no cartão, após 6 meses essas dívida estará em R$ 2 mil.

Por isso, é essencial controlar bem os gastos, não usando todo o limite concedido pelo banco e também criando um sistema de controle entre as suas entradas financeiras e saídas.

Por meio de um bom controle, com o tempo o seu score de crédito vai melhorando e com isso o próprio limite do cartão vai sendo ampliado pela instituição financeira.

Gostou deste artigo? Deixe o seu comentário, sua sugestão e compartilhe essa notícia com seus amigos nas redes sociais.