Como começar a investir? Descubra dicas valiosas!

Quer fazer o seu dinheiro render? Qual é o seu perfil de investidor? Continue a leitura e confira nossas dicas simples para dar os primeiros passos nos investimentos.



Anúncios



Publicidade

Como começar a investir?

Como começar a investir? Descubra neste conteúdo dicas valiosas!

Muitas pessoas querem começar a investir, mas às vezes não sabem por onde. Neste conteúdo você vai ver dicas simples para dar os primeiros passos.

Veremos que assim como existem várias formas de investir, também existe mais de um perfil de investidor. Saber entender as expectativas e com isso escolher um bom investimento, pode ser crucial para acertar e obter sucesso.

Descubra qual o seu perfil de investidor 

Existem três perfis de investidor, veja só:

Conservador



Publicidade

Não gosta de investimentos imprevisíveis, que gerem algum tipo de instabilidade ou baixa liquidez. Os investimentos com mais segurança serão os preferidos deste perfil, que não gosta de arriscar.



Anúncios

Por outro lado, não geram muitos rendimentos, mas são interessantes, considerando o médio e longo prazo.

Como por exemplo os Fundos Previdência, um ótimo investimento para quem procura segurança e vai investir por um longo período, seja ele de 10, 30 ou até 40 anos, em caso de aposentadoria.

Moderado

Aceita correr alguns riscos, mas de forma moderada. Os rendimentos também vão apresentar uma variação média, seja em caso de lucro ou prejuízo. Muito embora investimentos considerados para o perfil moderado, geralmente não tenham prejuízos.

Além disso, neste caso, o tempo para que o investimento seja interessante geralmente varia de 2 a 5 anos. 

Arrojado

O perfil arrojado está disposto a correr riscos para obter bons rendimentos, claro que existem formas de diminuir a instabilidade, mas quem tem este perfil está disposto a lidar com isto. 

Geralmente quem lida com ações tem este perfil, já que é necessário estar disposto a contornar os riscos para obter os rendimentos esperados.

Sonha em investir com ações? 

Comece aos poucos até entender a dinâmica do mercado, pois geralmente ele é complexo e poderá trazer traços diversos. Dar um passo após o outro é o ideal, ainda que seu perfil seja arrojado.

Quando você investe em ações, está colocando o seu dinheiro em uma empresa, se ela der lucro você recebe dividendos. Se não, elas desvalorizam e você não vende pelo mesmo preço que comprou.

Entender do mercado, funcionamento e dinâmica da empresa que se pretende investir é parte do processo. Embora possa ser um pouco intuitivo, é necessário entender bem as nuances desta forma de investimento.

Além disso, em uma boa corretora você encontra profissionais que irão avaliar questões mais técnicas como balanços anuais e números.


Veja também:


Tenha um portfólio de investimentos diversificado

A dica de ouro de grandes investidores é manter um portfólio de investimentos que seja diversificado. Já que o mercado pode sofrer mudanças ao longo do tempo e não é possível saber ao certo quais são, o ideal é investir de forma diversificada.

Além da diversificação de investimentos, grandes investidores sabem ver uma boa oportunidade sem deixá-la passar. Como aconteceu com Warren Buffet, que ao notar que uma crise biológica se encaminhava (Covid), aumentou o investimento em empresas do ramo da saúde.

Estes investimentos tornam o setor mais forte e mais preparado para responder com agilidade às ameaças. E, ao mesmo tempo, favorecem os investidores.

Vale lembrar que ainda que você tenha um perfil conservador de investimentos, não fique investindo apenas em Tesouro Direto, Renda Fixa e Previdência Complementar.

Para diversificar o seu investimento, você pode participar de algum fundo de investimento, mesmo que não seja sua forma principal de investir.

Ao diversificar você garante melhores rendimentos, atrelados a maior segurança. Já que, caso algum investimento tenha baixa liquidez inesperada ou baixo rendimento, você fica melhor protegido contra as oscilações de mercado.

* Liquidez – Tempo em que o investimento se torna dinheiro, pode ser diária, semanal, mensal ou anual. 

Tenha uma boa corretora de investimentos

Alguns ignoram a importância de uma corretora de investimentos, mas é importante contar com uma que tenha características como:

– Amplo portfólio de investimentos

– Conhecimento de mercado

– Profissionais capacitados e com expertise

– Baixa burocracia

– Taxas justas

Sabe onde você pode encontrar uma corretora para começar a investir? A Ágora, pertencente ao Bradesco, conta com tudo isso e um atendimento via aplicativo.

Concluindo, neste conteúdo você viu dicas para descobrir como começar a investir, legal, né? Claro que investir é criar uma trajetória, entretanto, entender como dar os primeiros passos é bem interessante, não é mesmo?

Gostou do conteúdo? Não deixe de compartilhar o conteúdo nas redes sociais! 😉