Fim da parceria do Méliuz com o Banco Pan: entenda!

Por conta de uma nova estratégia que está sendo adotada pelo Méliuz, em breve a parceria entre a empresa e o Banco Pan deverá chegar ao fim. Entretanto, os usuários que já possuem o cartão não serão afetados.

Parceria Méliuz e Banco Pan

parceria meliuz pan

A parceria entre o Banco Pan e o Méliuz parece estar chegando ao seu final. As empresas possuem juntas um cartão de crédito que oferece cashback de 0,8% em todas as compras que são realizadas com ele.

No entanto, quem leu com atenção a prévia do resultado do terceiro trimestre da empresa, entendeu que a parceria está chegando ao seu final. Até porque, a empresa está empenhada no lançamento do seu próprio cartão.

Ele deverá chegar ao mercado em janeiro de 2022 junto com a estreia do seu banco digital. Só para ter uma base, no terceiro trimestre deste ano o número de pedidos de cartões caiu 50%. Quer saber mais? Então vem com a gente.

CARTÃO MÉLIUZ
CARTÃO DE CRÉDITO

CARTÃO MÉLIUZ

CASHBACK
 
SEM ANUIDADE
Cartão de crédito que te devolve até 1,8% do dinheiro gasto na fatura
Você permanecerá no site atual

Fim da parceria entre o Banco Pan e Méliuz

No terceiro trimestre deste ano, o Méliuz teve 1 milhão de pedidos de cartões ante 1,5 milhão no trimestre anterior. Isso mostra que a empresa está tirando o pé na emissão dos cartões em parceria com o Banco Pan.

Afinal, em um trecho da prévia operacional que foi divulgada no início de outubro, a startup anunciou que a redução já era esperada e que no meio do terceiro trimestre de 2021 foi deixado de fazer campanha de marketing relacionada ao cartão co-branded.

Desde quando o Méliuz adquiriu o Acesso Bank em fevereiro, a ideia passou a ser reforçar os seus serviços financeiros, o que deverá ser uma avenida de crescimento ao lado do cashback e shopping.

Em contrapartida, o Banco Pan também está se movimentando para manter seu pé no comércio eletrônico. Afinal, a compra da Mosaico é um dos maiores indicadores disso. E o que era uma parceria pode se tornar uma concorrência.


Leia também:


Usuários do cartão Méliuz serão impactados?

Uma grande dúvida que surge neste momento é como os usuários que já possuem o cartão Méliuz serão impactados. E conforme apurou o portal NeoFeed, não haverá impacto para quem já possui o cartão.

Contudo, do lado do Méliuz não haverá nenhum esforço de marketing para atrair novos usuários para o cartão. O foco da empresa será em ter a sua própria conta digital e a área de shopping da qual é pioneira.

Neste momento, todos os esforços estão sendo centrados para a Black Friday. Até porque o Méliuz começou na última semana o seu Cash Friday que vai oferecer porcentagens de desconto maiores nos estabelecimentos parceiros.

Na prévia dos resultados do trimestre, o Méliuz informou que o ritmo médio de aberturas de de contas por dia útil caiu de 39 mil no segundo trimestre, para 30 mil no terceiro trimestre, sendo essa queda uma consequência da estratégia adotada.

Desaceleração não agradou o mercado

Embora faça parte de uma estratégia maior, a desaceleração de novas contas não agradou o mercado. Afinal, o papel da empresa caiu cerca de 3% no início deste mês. Contudo, desde o começo do ano as ações da empresa acumulam uma valorização de 124%.

O que se espera é que 2022 seja um ano ainda melhor, uma vez que logo no primeiro mês do ano, o Méliuz já pretende lançar a sua conta digital acompanhada de um cartão de crédito e de débito.

A conta passará a oferecer diversos serviços para os seus clientes como possibilidade de pagamento de boletos, transferência via Pix, depósitos e muito mais. Isso poderá atrair ainda mais usuários para a instituição.

De modo geral, o Méliuz está recuando um pouco nesse momento para alçar voos mais altos no ano que vem. E quando isso acontecer é bem provável que o valor das ações da empresa cresçam ainda mais.