Financiamento Imobiliário CEF: presidente anuncia que vai adiar as parcelas por causa do Coronavírus

 A CEF, nos próximos dias fará anúncios impactantes, segundo Pedro Guimarães diretor da instituição. Pelo fato do banco ter uma forte função social, a instituição diz que vai injetar capital de forma direta e indireta na economia do Brasil. Confira neste artigo o que vai ser feito com o Financiamento Imobiliário CEF.

Diante da crise Guimarães afirma que “O objetivo da Caixa é ajudar o Brasil”, e “Somos o banco dos brasileiros, especialmente dos mais humildes. Nosso papel é social, vamos fazer o máximo que pudermos.”

Nem todas as novas medidas já foram anunciadas, mas já foi anunciado que haverão injeções de capital de forma direta e indireta. Uma das formas indiretas que o capital vai ser injetado na economia, é o adiamento das parcelas do financiamento imobiliário CEF, veja no próximo artigo como isto vai funcionar.

Como vai funcionar o adiamento das parcelas do financiamento imobiliário CEF?

O diretor afirma que o banco tem a maior base de capital do país e isto junto a sua função social, está motivando que sejam tomadas medidas importantes e úteis ao povo brasileiro diante da crise. O aumento de prazo também está na agenda, em vez dos dois meses anunciados pelo governo nas medidas, será concedido um aumento para 3, 4 ou 5 meses de adiamento nas parcelas.

Sobre como vai funcionar este adiamento do financiamento imobiliário, foi informado que as parcelas adiadas, não serão cobradas depois com outras. Até porque não valeria a pena que a parcela fosse adiada agora, e cobrada com as outra depois, pois desta forma, depois haveriam duas parcelas para serem pagas.

Para evitar que agora o brasileiro tenha alívio, e em contrapartida, mais tarde, acabe com duas parcelas, este pagamento deverá ser feito depois, em parcelas únicas e não em “parcelas duplas”.

Na verdade, o valor será incorporado ao saldo do cliente e voltará a fazer parte do financiamento total.

Como solicitar o adiamento das parcelas do financiamento imobiliário CEF

Mas, afinal de contas o adiamento será automático? Não, será necessário solicitar a postergação das parcelas direto pelo App. Então se você tem interesse em participar e adiar as suas parcelas de financiamento, será necessário informar isto.

Como ainda está em fase de implantação, é possível que ainda não esteja disponível no App agora. Entretanto, não é necessário comparecer à uma agência, até porque por causa do coronavírus que as medidas estão sendo tomadas, e justamente para evitar a disseminação o ideal é que o serviço seja oferecido pela internet.

Todo o procedimento deverá ser feito pelo aplicativo.

Outras medidas da CEF para conter os problemas econômicos do coronavírus

A CEF anunciou cerca de R$ 78 bilhões que vão ser utilizados como fim de trazer crédito ao mercado. Sendo que a maior parte, cerca de R$ 40 bilhões será para conceder empréstimo para o capital de giro das empresas, com redução no 45% de custo.

Além disso, 70% dos funcionários do banco, nos próximos dias, vão trabalhar em home office, já as lotéricas continuarão abertas, mas é com foco nos serviços emergenciais. Haverá uma campanha de marketing para que as pessoas procurem utilizar os serviços por app e atendimento via WhatsApp.



Conclusão

Enfim, neste artigo, vimos como medidas importantes a favor da economia estão sendo tomadas para garantir maiores condições para o brasileiro se recuperar da crise. Gostou do artigo? Comente conosco sua opinião e compartilhe com os amigos também!