Renda Extra: Saiba se vale a pena vender pela Amazon

Publicidade
Publicidade

Já pensou em poder ter uma renda extra todo mês pingando na sua conta? Isso é possível por meio da Amazon.

Muita gente tem vontade de ganhar um pouco mais, contudo possui uma enorme dificuldade em descobrir os meios para isso. Hoje, com o avanço tecnológico, alcançar uma renda extra está cada vez mais fácil.

A Amazon, uma das principais plataformas de e-commerce do mundo permite que pessoas físicas ou jurídicas, anunciem os seus produtos. E sabe o que é melhor? Existem milhares de compradores que acessam diariamente a plataforma.

Então todos podem vender na Amazon para ter uma renda extra?

Sim, basta apenas ter um CPF ou CNPJ válido para isso. Lembrando que não é preciso fazer um contrato social ou documentos similares para se cadastrar como vendedor. Isso torna o processo mais simples e bem mais rápido.

Publicidade

Portanto, para se registrar na plataforma é bastante simples. Basta fornecer alguns dados pessoais, como nome, endereço, telefone, além de um documento pessoal, no caso o CPF para pessoa física ou CNPJ para pessoa jurídica.

Publicidade

Ah, e para receber os pagamentos é necessário possuir um cartão de crédito internacional das bandeiras Visa, Mastercard ou Diners, além de uma conta bancária da mesma titularidade do cadastro efetuado.

Feito isso basta escolher qual é o plano que mais se encaixa no seu perfil e então começar anunciar os produtos na plataforma.

Quais são os planos e taxas?

Existem basicamente dois tipos de planos na Amazon: o plano individual e o profissional. O plano individual possui um custo de R$ 2,00 por unidade vendida, e é feito para quem irá vender menos de dez unidades por mês.

Já o pacote profissional, não possui um limite máximo de vendas, sendo que ao optar por ele, você pagará uma mensalidade de R$ 19,90 por mês, independentemente da quantidade que for vendida dos seus produtos.

Fora a mensalidade também é cobrado um percentual sobre cada unidade vendida, além é claro das despesas de envio e embalagem do produto.


Veja também:


Como é feito o pagamento?

O pagamento é feito a cada quinze dias pela Amazon. Desse modo, tudo o que for vendido neste período será depositado na conta corrente informada no cadastro.

Dá para acompanhar por meio do site, o valor e a data em que os depósitos serão feitos. Um dos fatos interessantes é que o cliente pode pagar parceladamente pelo produto sem comprometer o recebimento do vendedor.

Isso quer dizer que, independente se o cliente pagar à vista ou em 12 vezes por exemplo, o vendedor receberá o dinheiro integralmente sem nenhum custo adicional.

E para ampliar a renda extra é possível vender para outros países?

Sim, é possível, desde que você opte pelo plano profissional. Contudo, é importante esclarecer que os países onde é possível fazer venda internacional são México, Estados Unidos e Canadá somente.

E sabe o que é melhor? Você não precisa criar uma conta em cada um desses países. Dá para gerenciar todas as vendas pela mesma conta. Ou seja, você só precisa criar um único perfil e optar pelo plano profissional.

Quais são os produtos que podem ser vendidos para aumentar a renda extra?

Ao todo existem 24 categorias na Amazon, sendo que algumas exigem, portanto, condições especiais de aprovação para venda.

Isso ocorre, no entanto, porque a plataforma tenta garantir o máximo padrão de qualidade para para seus clientes. Das 24 categorias, 19 são abertas, não necessitando de condições especiais de aprovação, sendo elas:

  • Produtos de atividade ao ar livre;
  • Brinquedos e jogos;
  • Calçados e bolsas de mão;
  • Câmeras;
  • Casa e cozinha;
  • Celulares;
  • Computadores;
  • Eletrônicos;
  • Esportes;
  • Materiais de construção;
  • Joias;
  • Livros;
  • Acessórios de viagem;
  • Papelaria;
  • Pet shop;
  • Produtos automotivos;
  • Relógios;
  • Roupas e jardinagem.

Dentre as categorias que precisam de aprovação estão portanto:

  • Itens de alimentos e bebidas;
  • Beleza;
  • Games;
  • Produtos para bebês;
  • Saúde e cuidados pessoais.

Quais são as vantagens e desvantagens de vender na Amazon?

A principal vantagem de vender na Amazon está, portanto, na possibilidade de aumentar as suas vendas, e consequentemente obter uma renda extra todos os meses.

Além disso, a plataforma também permite que seus vendedores customizem o modelo do frete que mais se adeque ao seu produto. Ah, e também é possível gerenciar todas as vendas de maneira fácil e prática.

Fora isso, diferente do mercado livre que cobra R$ 3,00 para realizar o depósito em conta ou R$ 9,90 para receber pelo cartão pré-pago, a Amazon não cobra, dessa forma, taxa extra nenhuma de seus vendedores.

A única desvantagem está, portanto, para quem quer vender poucos itens a baixo custo. Nesse caso, devido às taxas de comissão, cobrada pode não ser tão vantajosa essa opção.

Você já vende pela Amazon? Deixe sua experiência nos comentários e compartilhe essa notícia com seus amigos nas redes sociais.