Taxas do cartão de crédito: conheça o que são como funcionam

O contrato de cartão realmente tem muitos detalhes, e às vezes você nem presta atenção neles. Entenda como funcionam as taxas do cartão de crédito.



Anúncios



Publicidade

Taxas do cartão de crédito

Quais são as taxas do cartão de crédito?

Tem um cartão ou está procurando por um? Está preocupado com custos, mensalidades e taxas? Confira mais informações neste artigo e entenda como funcionam as taxas do cartão de crédito.

O contrato de cartão de crédito realmente tem muitos detalhes, e às vezes você nem presta atenção neles e acaba ficando com dúvidas ou descobrindo o que significavam todas aquelas letras quando já está com o abacaxi nas mãos. Continue neste artigo e fique sabendo quais são as taxas do cartão de crédito para não se embananar depois.

Quais são as taxas do cartão de crédito?

Na verdade, cada instituição bancária é livre para instituir as taxas que julga serem justas – contanto que dentro da lei e não abusivas, fora isto o Senado está tentando limitar as taxas de juros, mas ainda nada está definido.

Pode haver taxas de:



Publicidade

  • Emissão e segunda via
  • Saque em dinheiro
  • Compras em moeda estrangeira
  • Entre outros

Mas, as principais taxas são:



Anúncios

  • Juros do Rotativo do cartão de crédito – Esta é a que você deve prestar mais atenção, já que ela é responsável endividar muitas famílias brasileiras. Em alguns casos elas chegam a mais de 700% ao ano!
  • Mensalidade – O valor que você paga mensalmente ou anualmente (anuidade) para manter o seu cartão de crédito funcionando. O valor varia muito de um banco para outro, vai desde zero, passa por R$ 5, R$ 10 e chega em até R$ 70 reais mensais em determinados casos.

Anuidade é a vilã das taxas do cartão de crédito?

Não necessariamente, de nada vale uma taxa de juros altíssima e anuidade gratuita, digamos que você precise parcelar o seu cartão de crédito, se os juros forem muito altos, você acaba pagando muito mais que uma anuidade!

Por exemplo o Nubank, ele inovou o mercado com anuidade gratuita, o que é bem interessante, mas tem uma taxa de juros que em alguns casos chega a 350% (conforme Proteste). Então, se você parcelar a fatura Nubank, pagará bem mais que uma anuidade.

Por outro lado, outros cartões tem anuidade, mas uma taxa de juros melhor, o Banco Inter por exemplo tem juros menores, como girando em torno de 150%.

O que é juro ao mês e CET? Qual deles é o mais importante?

A taxa de juros ao mês é muito diferente da taxa efetiva anual – aquela que realmente é cobrada. Até porque os juros do cartão de crédito são juros sobre juros, ou seja, se você deve R$ 100, e teve um juro de R$ 10, no próximo mês os juros são calculados sobre 110, tornando a dívida cada vez mais alta.

O juro mensal, às vezes engana um pouco porque você imagina ele sobre o valor da dívida primária e não da que vai se formando. Por isso existe a taxa CET, aquela que exprime o que realmente você vai pagar sobre o valor, se ficar devendo ele por um ano.

Uma taxa CET de 700% significa que se você dever R$ 1 mil reais por um ano a este banco, deverá cerca R$ 7 mil reais, o valor final é realmente muito alto! Portanto, preste atenção na taxa CET do seu contrato de cartão de crédito.


Veja também:


Conclusão

Enfim, neste artigo você descobriu o que é importante prestar atenção nas taxas de cartão de crédito. Falamos como nem sempre a anuidade é principal problema e também como é importante prestar atenção na taxa CET.