Vale a pena aceitar cartão de crédito e débito no meu negócio?

Atualmente grande parte das compras realizadas tanto em estabelecimentos físicos quanto digitais são realizadas por meio de cartão de crédito e débito. Por isso, a empresa que não aceita esse tipo de pagamento está com os dias contados.

Cartão de crédito e débito

aceitar cartão

Hoje em dia quase todas as pessoas usam cartões para realizar compras. São poucos os brasileiros que ainda compram com dinheiro. Afinal, é muito mais arriscado ficar andando com bastante dinheiro na carteira.

Dessa forma, os cartões trazem muito mais segurança para as pessoas. Ainda mais agora que é possível cadastrá-los em carteiras virtuais e nem sequer precisar transportá-los no bolso. Mas muitos lojistas ainda relutam em aceitar cartões nos seus estabelecimentos.

Afinal, uma venda feita com cartão de crédito ou débito acarreta custos financeiros para o dono do negócio, e ele precisa estar preparado para absorver esses custos. Quer saber mais sobre isso? Vem com a gente neste artigo.

CARTÃO PAGBANK
CARTÃO DA CONTA DIGITAL

CARTÃO PAGBANK

FÁCIL ACEITAÇÃO
 
SEM ANUIDADE
O cartão da conta PagBank pode ser solicitado assim que você baixar o App
Você permanecerá no site atual

Vale a pena aceitar cartão no meu estabelecimento?

A resposta para essa pergunta é objetiva: sim. Até porque, se você não aceitar cartão estará indo na contramão do mundo. Uma pesquisa realizada pela ABECS (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços), mostrou que os pagamentos com cartões cresceram 52% no segundo trimestre deste ano.

Esse é o meio de pagamento que está liderando nas lojas físicas e digitais em todo país. Inclusive, por questões de segurança, muita gente está deixando de sacar dinheiro nos caixas eletrônicos e está optando pelos pagamentos com cartão.

A própria tecnologia NFC que permite o pagamento por aproximação está permitindo esse crescimento. E se o seu negócio não aceita ainda cartões de crédito ou débito é possível que você esteja perdendo vendas.


Leia mais:


Principais vantagens em aceitar cartões como forma de pagamento

Dentre as principais vantagens em aceitar pagamentos com cartão de crédito é que você não precisa vender fiado. Ou seja, dá para receber no ato da venda já que o recebimento é garantido pela instituição financeira.

Além disso, no caso do dinheiro físico você pode acabar pegando uma cédula falsa ou até mesmo ser assaltado por criminosos. Isso sem contar que gera muito mais controle e organização no fluxo de caixa da sua empresa.

Após a pandemia, praticamente todos os cartões já possuem a tecnologia NFC, o que gera também mais segurança. Uma vez que não terá o contato físico com quem está pagando, evitando assim a proliferação do vírus.

Desvantagens em aceitar cartões como forma de pagamento

Apesar de ser essencial, há algumas desvantagens na aceitação do cartão. Uma delas é que para ter o dinheiro na hora na sua conta é preciso pagar um percentual de antecipação junto a instituição financeira.

Além disso, algumas maquininhas podem cobrar aluguel, fazendo com que você tenha mais custo fixo durante o mês. Mas vale lembrar que atualmente grande parte das maquininhas já não cobra mais esse tipo de custo.

Fora isso, independente se a venda for no débito ou crédito você terá uma taxa administrativa que será entre 2% a 5% do valor de vendas. Isso precisa ser muito bem calculado para não levar o seu lucro embora.

Vale a pena aceitar cartão?

Apesar das desvantagens, vale a pena aceitar cartão tanto de crédito quanto de débito no seu estabelecimento. Procure organizar o seu caixa para não precisar antecipar os recebimentos provenientes da venda.

Além disso, busque opções de maquininhas sem aluguel. Uma boa alternativa são as maquininhas da PagSeguro que não cobram nenhuma taxa e você recebe o dinheiro em uma conta digital que não tem mensalidade.

Ah, e o controle dessa conta digital pode ser feito com um cartão físico que também não tem taxa de anuidade. Essa é uma maneira de aceitar cartão no seu estabelecimento sem aumentar tanto os seus custos.

Gostou deste artigo? Então não deixe de compartilhar com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais e nos ajude a disseminar o conhecimento.