Pagamento instantâneo: Conheça a nova modalidade que está sendo anunciada pelo Banco Central



Anúncios



Publicidade

Nesta quarta-feira o Banco Central está anunciando uma nova forma de pagamento instantâneo, que será obrigatória para todos os estabelecimentos bancários do Brasil. O nome do sistema será Pix e funcionará por meio de QR code.

A circular que foi publicada hoje (19/01/20) fala sobre as instituições que serão obrigadas a aderir a esta forma de pagamento. O objetivo do Banco Central com este sistema de pagamento é trazer mais agilidade na prestação de serviços bancários de transferência, e também diminuir o tempo de espera do cliente.

Pagamento instantâneo: Conheça a nova modalidade que está sendo anunciada pelo Banco Central
Pagamento instantâneo: Conheça a nova modalidade que está sendo anunciada pelo Banco Central. Imagem: Reprodução Internet

Pagamento instantâneo do Banco Central, o PIX, como funciona?

O Banco Central se comprometeu em lançar até novembro o novo sistema que se propõe a trazer mais benefícios e se tornar uma forma de pagamento padrão. Note que, ele será obrigatório para instituições financeiras que tenham mais de 500 mil clientes ativos, desde contas de pagamento, poupança e conta corrente.

Isto significa que cerca de 90% das instituições brasileiras estarão obrigadas a aderir a nova forma de pagamento instantâneo.



Publicidade

Pagamento instantâneo, mas em que condições?

Neste novo modelo, o pagamento será instantâneo 24 horas por dia nos 7 dias da semana, inclusive feriados e fins de semana. O que é uma inovação até para startups velozes como a Nubank.



Anúncios

Já que, mesmo no caso de startups com pagamento digitais era possível fazer pagamentos apenas no horário comercial e em dias úteis, que neste caso eram instantâneos. Entretanto, após o horário bancário e em casos de feriados e fins de semana, o pagamento era processado só depois, no horário bancário.

O novo método de pagamento instantâneo PIX, pretende encurtar até mesmo o prazo de compensação de boletos, que hoje é de 3 dias úteis. No Pix, este pagamento cairá na hora.

Isto funcionará tanto para pagamentos entre cliente do próprio banco, quanto para pagamentos interbancários, o que traz muita facilidade para os cidadãos que utilizam os serviços bancários.

Quando vou poder utilizar o PIX?

O serviço estará disponível, a partir de novembro apenas, isto conforme a previsão do presidente do Banco Central. Embora ainda vá um tempo até ser de fato implantado, é fato que o PIX será uma revolução no sistema bancário brasileiro.

Para pagamentos em geral e também para boletos, que dominam o mercado hoje em dia, e que demoram até 3 dias úteis para compensar.


Veja também:


Conclusão

Enfim, neste artigo você viu mais sobre a nova forma de pagamento instantâneo, o PIX, que trará muitas facilidades aos brasileiros que utilizam os serviços de pagamentos digitais. Também vimos que esta modalidade de pagamento estará disponível a partir de novembro, conforme o diretor do banco Central.

Gostou da notícia? Comente conosco sua opinião e compartilhe com os amigos também.