Por que os cartões Itaú estão aprovando até 40% mais? Descubra!

Depois de fazer uma reestruturação e adotar uma nova mudança na política de aprovação de crédito, o Itaú viu o números de cartões emitidos simplesmente disparar nos últimos meses.



Anúncios



Publicidade

Cartões Itaú

cartões itau

Ter um cartão Itaú é o sonho de muitas pessoas. No entanto, até algum tempo atrás esse sonho era realizado por apenas alguns clientes. Agora o banco está fazendo uma reestruturação completa do portfólio dos seus cartões.

Além disso, a instituição está adotando uma nova mudança na política de aprovação de crédito. Por essa razão as aprovações de cartão do banco dispararam. Só para ter uma ideia, o volume de vendas de novos cartões do Itaú dobrou em maio.

E no mês de junho o crescimento deverá ser ainda maior. Isso inclui tanto os cartões próprios quanto os cartões co-branded. Quer saber mais sobre esse crescimento do Itaú? Então continue com a gente só mais 3 minutinhos.

CARTÃO ITAUCARD CLICK
CARTÃO DE CRÉDITO

CARTÃO ITAUCARD CLICK

SEM ANUIDADE
 
FÁCIL ACEITAÇÃO
Um cartão de crédito repleto de benefícios!
Você permanecerá no site atual

O crescimento dos cartões do Itaú

Conforme antecipamos, o Itaú está fazendo uma verdadeira reformulação no seu portfólio de cartões e uma profunda mudança na política de aprovação de crédito. Por isso, as novas emissões do banco simplesmente dispararam.



Publicidade

É preciso destacar que o Itaú já é líder nesse mercado com um market share de aproximadamente 30%. Isso equivale dizer que quase ⅓ de todos os gastos com cartão de crédito no Brasil são feitos pelos cartões do Itaú.



Anúncios

De acordo com Rubens Fogli, head de cartões do Itaú, como líderes a instituição tinha mais a perder do que a ganhar. No entanto, com essa renovação, o banco passou a se defender bem do ataque dos concorrentes, e ainda abocanhou mais mercado.

O Itaú, inclusive, usa o mote de que tem “um cartão para cada tipo de cliente”. E essa repaginação é uma resposta frontal da instituição à entrada de players como XP e BTG que passaram a ofertar cartões sem anuidade e com cashback.


Veja também:


A reestruturação do Itaú para crescer

Na categoria “Agência” o Itaú entrou para brigar e passou a oferecer um cartão de crédito sem anuidade que dá 03 pontos a cada compra que o cliente fizer no Iupp que é o novo programa de fidelidade que agora também funciona como marketplace.

Já no Uniclass, que é uma categoria acima do Agência, o banco lançou duas novas versões do Visa Signature. Uma terá anuidade e dará 1,5 pontos para cada US$ 1 gasto. E a outra é sem anuidade, mas por outro lado, não gera pontos.

No Personnalité, o banco passou a oferecer o cartão Black que dá de 2 a 3 pontos por dólar gasto, para os clientes que possuem um investimento acima de R$ 50 mil na instituição. Em resumo, a anuidade está se tornando peça de museu nessa reestruturação.

Para se ter uma ideia, no Itaú atualmente ela representa cerca de 20% a 30% da receita do negócio de cartões, e está se encaminhando para zero. Outra mudança está nas ofertas de cartões co-branded, sendo que recentemente o banco inovou com o lançamento do cartão Samsung e Magalu.

Mudanças relevantes na política de cartões

Uma outra mudança que também está fazendo diferença na política de emissão de cartões do banco é o uso do machine learning para capturar outros dados dos clientes. Só para ter uma ideia, o banco consegue saber desde o tamanho da tela do smartphone do cliente até a conexão de internet que ele está usando.

Segundo Rubens Fogli, havia uma série de dados desestruturados que antes não eram usados e agora estão sendo aproveitados pela instituição. Por conta disso, a aprovação dos cartões aumentou em 40% no banco.

Para minimizar os riscos dessa nova política, o Itaú está adotando como estratégia nesse primeiro momento, liberar limites menores para alguns desses novos clientes. Gostou? Então compartilhe com todos seus amigos nas suas redes sociais.