Privatização dos Correios. Boa ou ruim? Confira nossa análise!

A privatização dos Correios pode ser boa, desde que seja feita de forma democrática e transparente. Continue a leitura para mais informações.

Publicidade
Publicidade

Privatização dos Correios

privatização dos correios

Você está acompanhando o debate sobre a privatização dos Correios? Qual a sua opinião sobre o assunto? Isso é bom ou ruim?

Esse é um tema complexo e que exige bastante ponderação antes de criar afirmativas.

Portanto, a privatização dos Correios pode ser boa, desde que seja feita de forma democrática e transparente. Ou ruim, se feita de forma obscura.

Quer saber o que pensamos a respeito? Continue mais três minutinhos com a gente.

Publicidade

O que é a Privatização dos Correios?

A privatização dos Correios nada mais é que vender a estatal para a iniciativa privada.

Publicidade

Essa é uma empresa pública federal que é responsável pela execução do sistema de envio e entrega de correspondência em todo Brasil.

Atualmente, os Correios efetuam a distribuição de encomendas e também prestam outros tipos de serviço de apoio ao Governo.

A empresa foi criada no ano de 1663 onde era chamada de Correio-mor das cartas do mar.

Hoje, ela está presente em praticamente todos os municípios brasileiros e o anúncio da sua privatização gerou interesse em grandes empresas.


Veja também:


Por que há tanto interesse nos Correios?

Com o crescimento tecnológico, as grandes lojas de magazine estão tendo que investir cada vez mais em logística.

No ano de 2019 a Amazon entregou com sua logística própria 3,5 bilhões de pacotes no mundo.

Esses dados fazem parte de um relatório do Bank of America que mostra ainda que a gigante do varejo virtual investiu US$ 60 bilhões em logística nos últimos seis anos.

Atualmente, a empresa administra 1,1 mil centros de distribuição espalhados pelo mundo.

A sua capacidade de armazenamento chega a 7,3 mil campos de futebol americano.

Deu para entender por que ela é uma das interessadas na privatização dos Correios?

Mas, não é só a Amazon que entrará na disputa.

Magazine Luiza, DHL e Fedex também estão de olho na empresa. O motivo para isso?

A grande capilaridade da estatal. Afinal, ela consegue chegar a todos os municípios do Brasil.

E por que essas varejistas estão de olho na estatal?

Hoje com o avanço das vendas online, essas grandes varejistas querem estar presente em todos os municípios.

Para isso precisam investir. E a empresa que adquirir os Correios terá uma enorme vantagem na batalha da última milha.

Esse é o termo usado para quando a mercadoria sai do centro de distribuição e vai até o destino final na casa do cliente.

Essas grandes varejistas estão se preparando há anos para serem cada vez mais independentes dos Correios.

Por isso, estão criando uma logística própria. Mas, como você deve imaginar, isso é bastante custoso, e adquirindo os Correios tudo fica mais fácil.

E essa privatização dos Correios será boa?

Fazer essa afirmação ainda é precoce. Mas, se olharmos o histórico das privatizações no país, certamente a empresa irá se modernizar.

No entanto, há muitas questões a se considerar. Até porque, a empresa possui cerca de 99 mil funcionários.

Uma eventual privatização iria mexer nessa folha de pagamento, e isso gera bastante resistência por parte dos sindicatos.

Uma outra questão está relacionada à fiscalização da empresa.

Afinal, ela vai atender corretamente os municípios deficitários? Quem irá fiscalizar isso?

Embora haja uma tendência na diminuição do estado, todo processo de privatização precisa ser pensado com cautela.

Pois é um passo que envolve a soberania nacional, a principal empresa de entregas do país e o próprio consumidor final.

Esse debate ainda vai longe. Mas ao que tudo indica, os Correios serão privatizados.

E o tempo irá mostrar se essa privatização foi boa ou ruim.

No entanto, olhando para trás, vemos que a privatização do Banespa, das estradas e de empresas de telefonia trouxe avanços para o consumidor.

E você, o que pensa disso? Se gostou compartilhe este artigo com seus amigos nas redes sociais?