domingo, maio 19, 2024

Menores de 18 anos podem solicitar um cartão de crédito?

Share

Menores de idade e cartão de crédito

O menor de idade pode criar uma conta, fazer as movimentações e transações convencionais, fazer investimentos e utilizar a função débito. Porém, não é permitido que o menor de idade possua um cartão de crédito ou que participe de nenhuma transação relacionada à modalide de crédito.

Porque abrir uma conta para um menor de idade?

Muitos pais têm a dúvida se devem abrir uma conta para seu filho ou não. Ter uma conta muitas vezes é relacionado a quem trabalhou muito tempo e já sabe lidar com seu próprio dinheiro e já entende o valor dele.

Porém, abrir uma conta para seu filho pode ser uma boa maneira de ensiná-lo como gerir sua vida financeira, além de lhes dar mais responsabilidade. Além disso, os pais podem utilizar essa conta como um fundo para guardar dinheiro para a faculdade de seu filho ou até mesmo para despesas emergenciais relacionadas ao menor de idade.

Credicard
CARTÃO DE CRÉDITO

Credicard

FÁCIL ACEITAÇÃO
 
SEM ANUIDADE
Um cartão feito na medida certa para você!
Você permanecerá no site atual

Abrir uma conta em banco, além de ensinar o menor de idade a se tornar mais independente financeiramente, ainda começa a criar um relacionamento do menor com a instituição financeira desde cedo, o que pode fazer com que ele tenha melhores condições e benefícios quando atingir sua maioridade.

Como abrir uma conta para um menor de idade?

Segundo o Banco Central, os menores de 16 anos que desejam abrir uma nova conta devem ser representados pelos pais. Já no caso de maiores de 16, mas menores de 18, é obrigatório a presença de um dos pais ou do representante legal no processo de abertura da conta. 

Com exceção dos menores emancipados pelos pais, esses podem solicitar a abertura da conta normalmente sem necessitar da presença de um dos pais ou de um responsável legal.

Para abrir a conta, são necessários os documentos de identificação do titular e do responsável, o famoso RG ou equivalente, o CPF dos dois e também um comprovante de residência.

Também serão pedidos dados como: 

  • Nome completo, filiação, nacionalidade, data e local do nascimento, sexo, estado civil, nome do cônjuge, se casado, profissão e documento de identificação  
  • Endereços de residência e comercial 
  • Telefones para contato

O Banco Central também esclarece que as instituições financeiras são livres para aceitar a abertura de contas por canais digitais, logo, não é mais necessário comparecer a uma agência física com os pais, se o banco oferecer essa opção.

Veja também

Benefícios de uma conta digital

Em uma conta digital o cliente pode efetuar todas as suas transações, consultar saldos, movimentar seu dinheiro e acompanhar seus gastos pela internet e pelo seu smartphone. Por isso, é o ideal para os adolescentes, já que eles já estão bastante familiarizados com os aplicativos e sites, e a maioria já possui um smartphone.

Além disso, o menor de idade terá acesso a todos os processos bancários, sendo que a maioria é isenta de custo, evitando assim taxas e mensalidades abusivas, o que oferece muito mais tranquilidade aos pais.

Também temos a questão da segurança, pois em bancos digitais, todos os seus dados financeiros são criptografados. Dessa forma, os dados do adolescente e dos seus pais estarão sempre protegidos.

Outro fator que costuma chamar muita atenção dos jovens é o fato de os bancos digitais possuírem atendimentos online, via whatsapp ou chat em sua própria plataform. Assim, o cliente não precisa ir até uma agência física para resolver algum incômodo.

Portanto, abrir uma conta digital para menor de idade pode ser uma boa alternativa para educá-lo financeiramente desde jovem, porém, é importante aconselhá-lo sempre a escolher as melhores opções para a sua saúde financeira.

Esse conteúdo te ajudou? Se sim, compartilhe-o com seus amigos e familiares!

Read more

Local News