Zro Bank realiza a sua primeira rodada de investimentos. Entenda!

Zro Bank, banco digital com cashback em Bitcoin, levantou um fundo de R$ 25 milhões como parte da sua primeira rodada de investimentos. Vale destacar que o aporte foi assessorado pela Deloitte.

Zro Bank

Zro Bank capital

O Zero Bank foi lançado há quase um ano, sendo ele o primeiro banco digital do Brasil a disponibilizar contas em Real e Bitcoin. Recentemente a instituição anunciou a sua primeira rodada de investimentos.

O aporte foi assessorado pela Deloitte e aconteceu por meio de um fundo gerido pela Multinvest Capital, que é uma gestora com mais de R$ 1 bilhão em patrimônio sob gestão. O Zro Bank detém o banco digital Zro Bank e a Exchange Bitblue.

A rodada que levantou R$ 25 milhões deverá ser complementada com valores ainda maiores nos próximos dias com a entrada de um dos maiores players do mercado financeiro. Quer saber mais? Vem com a gente.

CARTÃO ZRO BANK
CARTÃO DA CONTA DIGITAL

CARTÃO ZRO BANK

SEM ANUIDADE
 
FÁCIL ACEITAÇÃO
Um cartão de débito transparente de verdade!
Você permanecerá no site atual

Aporte de capital no Zro Bank

O aporte de capital no Zro Bank será revertido no crescimento da equipe, ações de marketing e foco em novos produtos, com aumento do portfólio de moedas, conta internacional, crédito e outros investimentos.

Edísio Pereira Neto, CEO da fintech, destacou que neste primeiro ano de operação, o banco digital ouviu os clientes e avaliou o modelo de negócio para remodelar os produtos e serviços, deixando-os cada vez mais voltados para quem tem interesse no mercado de ativos digitais.

“O balanço até aqui é bastante positivo e estamos muito felizes. Ainda há muito potencial para crescer. Em relação ao mercado de criptomoedas, apesar de sua volatilidade, ele já é percebido cada vez mais pelas pessoas e empresas como uma reserva de valor relevante para suas estratégias de investimentos”, revela o executivo.


Veja também:


Escalabilidade do produto e crescimento

De acordo com Pereira Neto, a meta da instituição agora é focar na escalabilidade do produto, contribuindo para a educação financeira dos brasileiros. Ou seja, fazer com que as pessoas entendam a importância dos investimentos em ativos digitais.

Para se ter uma ideia, neste primeiro ano o App já superou a marca de 350 mil downloads e foram transacionados mais de R$ 2 bilhões em conversões de moedas nas plataformas. Agora está se iniciando mais um ciclo de expansão.

“Pretendemos alcançar a marca de um milhão de downloads até o final do próximo ano e dobrar o número atual de colaboradores, que é de 70 pessoas”, revela o executivo. Para isso a empresa está apostando em novos investimentos.

Novos investimentos mirando o crescimento

Por meio da entrada da Multinvest Capital, o Zro Bank inaugurou o primeiro fluxo externo de captação de recursos. Vale destacar que a empresa ainda aguarda o complemento da rodada com uma das maiores instituições financeiras do país.

Dentre os novos sócios que compõem o fundo criado pela gestora está o renomado empreendedor e presidente do conselho de administração do Porto Digital do Recife, Sílvio Moreira que se mostra bastante entusiasmado com a fintech.

“O Zro Bank é uma das mais interessantes fintechs do Brasil, com imenso potencial no mercado global e com lideranças únicas no espaço de criação de novos negócios inovadores de crescimento empreendedor, feitos de Recife para o mundo”, destaca Moreira.

Um pouco mais sobre o Zro Bank

O Zro Bank é uma fintech que foi lançada em setembro do ano passado como primeiro banco digital da região Nordeste do país. Ele é o primeiro criptobank que além de realizar serviços tradicionais também permite os pagamentos e recebimentos em criptoativos.

Ele foi o primeiro banco a implementar junto com a VISA, o cashback em Bitcoin para as transações que são efetuadas no cartão da instituição. Não é à toa que o banco ficou entre as 5 maiores fintechs do país no ranking 100 Open Startups de 2020.

Atualmente a empresa possui 70 colaboradores e o App já foi baixado por 350 mil usuários. Para 2022 a meta é chegar em 200 colaboradores com 1 milhão de downloads no seu aplicativo. Ou seja, o crescimento está apenas começando.

Gostou deste artigo? Então não deixe de compartilhar com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais e nos ajude a disseminar o conhecimento.